Batgirl - Cassandra Cain

Procurando criar o perfeito assassino para R’as Al Ghul, o guerreiro conhecido como David Cain percebeu que a genética possuía um papel muito importante, assim como o treinamento.

Com este fim, ele procurou uma guerreira-fêmea para ser mãe de sua filha, cuja seria treinada a partir de seu nascimento. A busca de Cain levou-o às irmãs Wu-San, Carolyn e Sandra. Cain creditou o potencial à Sandra, mas seu verdadeiro amor era a irmã.

Cain assassinou Carolyn, despertando grande ira em Sandra. Mas para preservar a vida da guerreira, Cain propôs uma barganha: a treinaria em troca de uma filha. Sandra concordou, dando à luz uma garota, e tornando-se a assassina conhecida como Lady Shiva.

A garota, que se tornaria Batgirl, foi criada desde o nascimento por Cain, que a tinha como assistente e, mais tarde, como sucessora. Cain nunca ensinou à garota falar, acreditando que a violência era linguagem suficiente para a vida que ela levaria. Em seu "dia de formatura", aos nove anos de idade, a garota não conseguiu ser tão fria para matar. Assim, Cassandra repugnou suas ações, deixando seu Mestre.

Assim, ao contrário de outras garotas de sua idade, Cassandra passou a viver nas ruas do mundo, encontrando uma das mais difíceis cidades da Terra, Gotham City. Oráculo, a antiga Batgirl, reconheceu as habilidades incríveis da garota e a recrutou como informante.

Quando Cain chegou em Gotham para assassinar o Comissário Gordon, aquele foi impedido por Cassandra. Impressionado com a bravura e habilidades da garota, Batman tornou-a a nova Batgirl. Ainda “muda”, Cassandra rapidamente tomou seu papel como heroína.

Mais tarde, ela salvou um telepata chamado Jeffers, que usou seus poderes para "ordenar" o cérebro de Cassandra, proporcionando à garota a habilidade de falar, além de habilidades marciais.

Então, Batgirl decidiu procurar Lady Shiva, a maior artista marcial do mundo, para aprimorar suas habilidades. O preço para a ajuda era um duelo de morte. Batgirl lutou com Shiva e venceu, preservando a vida da guerreira. Como a única pessoa a derrotar Shiva em combate, Batgirl tomou para si o título da maior artista marcial do mundo.

Cassandra passou a levar uma vida normal, mas logo passou a questionar a identidade de sua mãe. Sua procura levou-a à Liga dos Assassinos e à sua nova mestra, Nyssa. A Liga se dividiu em duas facções: os devotos àquela que consideravam a "única" - Batgirl; e outros devotos à Lady Shiva. A batalha entre os assassinos levou a outro confronto entre Lady Shiva e Cassandra. Nesta batalha, Shiva revelou ser a mãe biológica de Cassandra. Mais uma vez, Batgirl derrotou Shiva, dirigindo-se, em seguida, a lugares desconhecidos.

Algum tempo depois, as habilidades de detetive de Robin levaram-no à verdade: a possível morte de Cassandra foi um engodo pela própria garota, que agora liderava a Liga dos Assassinos. Assim, Cassandra o convidou a se unir a ela, oferecendo a Robin, como primeira missão, assassinar seu pai, Cain. O menino-prodígio recusou e, frustradamente, viu Batgirl se unir ao lado negro.

Tempos depois, o Exterminador recrutou Batgirl como membro dos Titãs da Costa Leste. Ao confrontar Robin, Slade revelou que vinha injetando em Cassandra uma droga que afetava sua mente. Irado pelos Titãs terem "roubado" suas crianças, Slade jurou uma vingança especial, roubando "Batgirl" do Clã do Morcego. A droga que afetou Cassandra era a mesma que tornou Rose Wilson a instável Devastadora.

Então, Robin elaborou um antídoto "anti-Exterminador" no caso de Rose se voltar contra os Titãs. Este antídoto trouxe Batgirl de volta ao seu estado de mente normal, mas com uma única idéia: Matar o Exterminador. Quase conseguiu, não fosse Asa Noturna. Neste momento, Cassandra ajudou os Titãs a reclamarem a Ilha Titã, em Nova York.

Após a derrota dos Titãs do Leste, Batgirl desapareceu e só veio a reaparecer como membro dos novos Renegados, liderados por Batman.

Uma das grandes artistas marciais do mundo, Cassandra pode "ler" a linguagem corporal de seu oponente, prevendo seus movimentos.